Generosidade...

v Ensine a outros o que você sabe: não importa se é a receita de um cachecol, do maravilhoso prato de família, aquela dica infalível para sair do aperto... Quando a gente é mesquinho, vive pequeno! Seja generoso, mesmo se o segredo compartilhado é parte do seu sustento, afinal, sempre vai ter quem prefere comprar pronto e - com certeza - sempre vai ter quem precisa da sua dica para por o pão de cada dia na mesa. Viva grande!

terça-feira, 18 de junho de 2013

A Blusa do Patrão



Essa blusa foi inspirada numa blusa que uma admiradora do blog (Gilmara querida!) me enviou por email, com uma dúvida de como fazer a gola. 

Observação: parece pequena porque é pro patrão e o modelo foi o moleque, que é muito maior - mas só ele teve boa vontade de posar prá foto... Aliás, hoje é aniversário dessa criança, amor da minha vida, paixão da minha existência, com cheirinho de pão quentinho recém saído do forno... Ai, Deus, como amo esse rapaz!!!

Bom, a foto que a Gilmara me mandou foi esta aqui:

Linda, né? E nem precisa de frontura. Adorei o jeito molenga que a blusa tem, parece aconchegante, vocês não acham? Achei também o ponto o máximo, queria saber fazer, deve ser de alguma cartela... Mas aí que tá: quando se vai fazer uma experiência científica, melhor fazer do jeito mais fácil, prá correr menos risco de errar...

Escolhi a cartela do ponto arroz - esta aqui:



E fiz. É aquela cartela que a gente faz roupinha de criança, que de um lado fica parecendo favo de mel e do outro, dependendo, fica arroz ou canelado. Usei o triângulo pequeno - prá ponto canelado.

Tá aqui a receita:



E fotos de como foi a montagem dela:


As costas...

As mangas

Os forros da gola...

A parte da frente (tirei com fio de sobra porque ainda não tinha decidido de que lado o ponto ia ficar - se do avesso ou do direito, pois os dois são lindos...) e quando a gente tece direto, o lado que está paralisado (e não é tecido) fica feio, desfiado, já repararam? Por isso, quando trabalho com cartela, sempre tiro com fio de outra cor, prá devolver prá máquina só o lado que vou tecer...

A parte da frente, já sem o fio de sobra e com o forro costurado no meio e pregado...

E a gola como havia ficado - antes do zíper...


Ressalvas: 

Minha gola não ficou linda como a gola da blusa original, ficou pequena, pobrinha. Acho que, prá ficar mais alta e mais fofa, na hora de fazer a gola, tem que fazer assim: depois que arremata o ombro, eu fiz 40 carreiras prá gola - tem que fazer mais por causa da parte de trás, que é maior. Mas, se fizer mais, a gola na frente vai ficar muito grandona, esquisita. Assim sendo, o jeito é ir diminuindo aos poucos na frente, tipo 1 ponto a cada 2 carreiras - e fazer a gola mais extensa, tipo umas 50, 60 carreiras (ao invés de só 40), mais ou menos assim:



Outra coisa: tão vendo como o forro fica marcado do direito (um "V" debaixo do zíper)? Então prá evitar isso façam reto: comecem o forro a partir da cava, como se estivesse fazendo uma blusa que começa daí, depois separem como na frente (é como fazer a frente duas vezes, só que da cava prá cima). Assim acho que não vai marcar, mas só fazendo prá saber...

Sua Majestade quis um zíper, achou a gola muito aberta. Tive que desmanchar o que já tinha feito (no sábado que ganhei a overloque...), colocar um zíper, terminar a blusa. 

Ô homem difícil! Quer ganhar mais uma, disse que faz tempo que não ganha nada, que eu só ando fazendo pros filhos... Tem duas blusas (uma de lã e outra de moleton) que ele nunca usou!!! Queria um colete novo - fui até o guarda-roupa e o lembrei que tem 22 coletes, de tudo que é cor bonita da Faber Castel (até cor de burro quando foge, dependendo de quem olhe...).

Mas vou fazer outra, agora de gola alta, só prá agradar Sua Excelência... Homem mimado é fogo...

26 comentários:

  1. muito bonita a blusa, e as explicações da senhora como sempre bem detalhadas, parabéns pelo aniversario do filhão, quem sabe ele pega o gosto de posar para as fotos e a senhora se inspire mais em peças masculinas rsrsrs. comecei a fazer o xale das ondas na maquina, já desmanchei algumas vezes mais ta saindo bjs.

    ResponderExcluir
  2. Eu também, quando comecei o xale, fiquei desmanchando até acertar... Mas quando ele começa a crescer dá uma alegria! Depois me mostra como ficou, tá bom? Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ta bom, fiz o queijo deu certo, fiz com leite de garrafa plastica era homogeneizado, li na net que é melhor se não for pois dificulta a formação da massa, é pasteurizado, li na postagem do queijo que a senhora disse que pasteurizado não podia. mas desses de saquinho ou garrafa todos são, aí eu muito curiosa fui pesquisar a diferença entre eles, o homogeneizado a gordura é uniformemente distribuída não forma nata, a pasteurização e feita a 72 graus elimina as bactérias mas mantém as propriedades e vitaminas.o processo uht( do leite de caixinha)é feito a 140 graus alem de destruir as bactérias também destrói as propriedades do leite e também é retirada a gordura dele por isso não dá pra fazer queijo. vou tentar fazer com o leite não homogeneizado depois conto como ficou bjs.

      Excluir
    2. Depois me diz se ficou bom, com qual deles ficou melhor, porque assim, mesmo quando eu não for pro sítio, posso continuar fazendo meu queijinho... Beijos.

      Excluir
  3. Nossa realmente ficou linda parabéns...ha e parabéns pelo niver do filhão felicidades. bjs com magia

    ResponderExcluir
  4. Rosinha, querida, I'm back, tonta de tanto inglês!
    Outro texto, outro documento único.
    Que sejas sempre feliz, tu e os teus pintainhos, porque o marildo, ainda que grande, é pintainho de ti, mãe galinha, guerreira e protetora.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Nina!

      E pode deixar que eu vou me esbaldar com seus relatos.

      Beijos.

      Excluir
  5. Minha querida amiga, "ói eu aqui trá veiz"! Primeiro, parabéns para seu filho e para você também. Que o Senhor os abençoe sempre. Nossos filhos, sejam da idade que forem, sempre serão nossas jóias. Que bom que você tem um filhão que posa para as fotos e as filhotas também. Eu vou acabar comprando um manequim para poder colocar minhas peças, pois não tenho quem pouse para mim. Minha filha tem a vida dela e só nos vemos uma ou no máximo duas vezes na semana.
    A blusa do Marildo ficou linda! Um modelo diferente e personalizado. Espero que ele goste!
    Agora estou terminando coletinhos para os pequenos, são dois meninos de cinco anos, os gêmeos. Apanhei para fazer o acabamento do decote, porque não fui pela minha intuição, segui uma apostila que tenho (que é muito boa!), mas não deu certo, ficou grande. Fiz do meu jeito e deu certo. Depois coloco as fotos dos coletes.
    Beijos carinhosos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas é assim mesmo: muitas vezes eu sigo uma receita de revista (até da Mon Tricot) e me pergunto se não foi escrita errado, pois fica uma porcaria! É por isso que eu anoto tudo o que eu faço, prá me socorrer depois.

      Depois quero ver os coletinhos dos gêmeos - devem ter ficado lindos!

      Beijos e obrigada!

      Excluir
  6. Olá, realmente qdo faço gola V, o lado que fica em espera na máquina fica em petição de miséria rsrsr. Nas últimas que fiz (últimas não , nas mais recentes) estou fazendo assim:levanto metade das agulhas coloco no H e a outra metade trabalho com fio de outra cor, aí baixo as agulhas e trabalho primeiro aquele lado que ficou na máquina ; depois coloco novamente na máquina aquele lado que tirei com fio de cor.
    Aff não sei se ajudei ou se confundi rsrsrsr.
    Um abraço Gladis!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estive lá no teu blog e realmente teus decotes V saem perfeitos. Obrigada pela dica, minha querida. Beijos!

      Excluir
  7. Oi Rosa, boa noite!! Menina vc faz cada coisa bacana em?? muito prendada..parabens! Obrigada pela visita, viu? É verdade eu acho jeitinho para tudo..adoro reformar , agora mesmo acabei de pintar minha bancada, duas cadeiras e mais um caixote ..rss mas adoro costura, croche, bordado..alias aprecio e valoriso todo tipo de arte. Veja vc de um rolo de fio..quanta coisa linda sai dessas maozinhas..adoro isso, criar..tranformar..acho um luxo quem tem esse dom. Agora vou dar mais uma olhadinha no seu blog, mas eu volto para te visitar mais vezes tá? bj claudia sodré

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita, Cláudia querida! Adorei mesmo teu blog, tuas reformas e criações. Adoro gente "pau prá toda obra"... Beijos e volte mesmo!

      Excluir
  8. Excelente trabajo y detalladamente explicado, precioso post!
    Te dejo un fuerte abrazo.

    http://perfumederosas-cristina.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Outro abraço prá você, Cristina querida.

      Excluir
  9. o teu patrão é bem sortudo! Ficou linda a blusa, já tá com cara de favorita. Amo essa cor!
    o meu patrão vivia reclamando que eu não fazia nada prá ele, aí eu fiz.... queria postar no dia dos namorados mas quem disse... já tá fotografado há mais de 1 ano e ainda não postei - é uma besteirinha de nada, mas quando ele viu deu um sorriso de moleque, sabe daqueles?
    agora tenho que postar né...

    Ai comadre (hehehe - olha a intimidade), tenho a impressão que a gente ainda vai se encontrar por aí nesse mundão de meu Deus. :D será?
    bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom demais quando a gente faz quem a gente ama feliz, não é mesmo? Sou viciada nessa sensação...

      E querida comadre - intimidade mesmo! - fico torcendo prá esse encontro acontecer de verdade um dia (vou adorar...).

      Beijos!

      Excluir
  10. Ah, e só prá terminar, engraçado vc me dizer que leu minha historinha prá ele. Eu contei tua história pro meu :D, e ia te perguntar se eu posso contar prá sra prá quem eu tô trabalhando... Ela tem 86 anos e vários probl de saúde. Eu já percebi que ela gosta de ouvir histórias, assim ela se distrai das dores constantes, e é também o melhor jeito de fazê-la comer. Eu fico com ela e a enfermeira dela algumas horas, algumas noites por semana e imaginei que ela ia adorar ouvir as tuas histórias. Posso compartilhar? qqr dia vou escrever sobre ela no blog, ela fazia crochet, ponto cruz, costurava a mão. Tbm adoro ouvir as histórias dela, qdo estou com ela parece que voltei no tempo, muito interessante, está sendo uma experiência muito enriquecedora prá mim. bjo, agora vou!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro que pode contar prá ela, fico muito feliz! Você vai contar em português ou inglês? Olha, na barra lateral tem o marcador historinhas e lá tem um montão delas. As do Malba Tahan são lindas demais...

      Acho assim: quando a gente vai ficando velha, se a gente viveu algumas coisas e, ao mesmo tempo, foi uma boa observadora da vida, acaba naturalmente tendo muita história prá contar. E acaba sendo muito enriquecedor mesmo conviver com pessoas assim, não é?

      Beijos e obrigada pelo reiterado carinho, minha linda!

      Excluir
  11. ## Oi amiga! quanto tempo né? o ano está passando rápido e o frio chegando!!
    Passei pra matar a saudade!!! me deparo com tantas peças lindas num capricho só,parabénssssssssss!!!!
    A PAZ DE JESUS!!!!!
    bJOSSSSSSSSSSSSSSSSSSS ##

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também fui lá no teu blog, você postou blusas lindíssimas! Obrigada pela visita. Beijos!

      Excluir
  12. Olha eu para roupa não tenho jeito nenhum.
    e é mesmo assim Rosa ás vezes pequenas e simples coisas não nos passam pela cabeça, acontece o mesmo comigo, depois penso.
    Meu Deus como não pensei nisto antes?..
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas a tua ideia é tão simples e prática! Adorei.

      Beijos.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...