Generosidade...

v Ensine a outros o que você sabe: não importa se é a receita de um cachecol, do maravilhoso prato de família, aquela dica infalível para sair do aperto... Quando a gente é mesquinho, vive pequeno! Seja generoso, mesmo se o segredo compartilhado é parte do seu sustento, afinal, sempre vai ter quem prefere comprar pronto e - com certeza - sempre vai ter quem precisa da sua dica para por o pão de cada dia na mesa. Viva grande!

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

A gente nunca sabe...

De onde vai vir uma lição na vida. Se a gente começa por dizer "Ah, com essa pessoa eu não vou me relacionar, de jeito nenhum" ou "Isso eu nunca vou experimentar", "Por esse caminho eu nunca vou" - sem antes parar prá pensar, ponderar prós e contras, fazer um balanço racional da situação, pode sair perdendo uma porção de coisas boas.

Por exemplo: a "quase" ex-sogra do "Marildo". Graças a ela é que eu estou aqui, casada com ele e mãe de seus pimpolhos - ela não permitiu que ele se casasse com a filha dela, pois ele era muito pobre para seus padrões (coisa de que, aliás, ela se arrependeu imensamente...).

Bom, se eu fosse o tipo de pessoa que sai por aí etiquetando gente como mercadoria, teria perdido boas conversas, receitas, histórias de vida - coisas que ela tem de monte prá compartilhar...

Desde a primeira vez que fui visitá-la, percebi uma mulher extremamente inteligente - alemã de nascimento, fluente em quatro idiomas, que já viajou diversas vezes o mundo... Pena que agora, portadora do mal de Alzheimer, sua vivacidade e consciência já estejam quase totalmente perdidas: a luz está acesa, as janelas estão abertas, mas parece que não tem ninguém em casa... Pena, mas a vida é assim mesmo, não é? Tudo tem um fim...

Bom, ela me ensinou a fazer duas geleias: uva e tangerina - ambas deliciosas. Hoje vou ensinar a vocês a de tangerina e - Aleluia! Aleluia! - vou ensinar dietética!!! Ela me ensinou com açúcar, mas a gente se apropria da receita e dá o nosso jeitinho...

Comprei 12 mexericas (tangerinas) morgot, pesadas, brilhantes, cheirosas e muito cheias de suco. Tem que ser de casca fina. Lavei e desinfetei por fora.
  
Escolhi as duas mais bonitas e descasquei. Dessas eu reservei as cascas.
Cortei as mexericas em quatro e tirei a parte dura do centro - ela não amolece com o cozimento, fica ruim na geleia. Agora que os caroços estão expostos, ficou fácil tirá-los...
  
Cada uma dessas partes eu fui cortando, a fim de achar todos os caroços escondidos nos gomos...

Juntei tudo numa panela - anti-aderente é melhor. Você pode colocar do jeito que tá no liquidificador e moer, mas eu gosto da geleia bem pedaçuda.

Lembra das cascas reservadas? Pois piquei tudo com a faca - é chamado "entulho", a geleia fica uma delícia com ele (além de dar mais sabor e perfume na geleia, também é gostoso morder esses pedacinhos...)

Junta tudo na panela e daí adoça. Se você vai usar açúcar, a proporção é 1 quilo de açúcar refinado prá 1,5 quilo de fruta. Se a fruta estiver bem madura e doce, pode diminuir o açúcar. Ah, mas esse negócio branco aí em cima não é açúcar...

É adoçante de forno e fogão, como tá escrito na embalagem. É gostoso e a gente pode usar sem medo e consumir sem culpa. Na embalagem diz que é prá usar 1 colher de sopa prá cada 100 gramas de fruta. Eu usei 12 colheres (sopa) prás minhas 12 mexericas.

Fogo baixo por quase 3 horas - demora mesmo. Com açúcar é mais rápido... Fica um cheiro pela casa toda - isso é que é perfume ambiental... Depois desse tempo, espia a gloriosidade dessa gostosura - nem precisa de bolachinha, eu coloco numa xicrinha de café e como de colherinha, mastigando os "entulhos", os gominhos meio ácidos, mas doces e frescos...


Rendeu esses dois vasilhames: um pote de 200 g (plástico) e um vidro de quase um quilo - que não vão durar nada, pois todo mundo ama. Dizem que fica melhor com adoçante, pois com açúcar fica enjoativa, só dá prá comer um tiquinho na bolacha, e assim...

Se você não tem adoçante de forno e fogão, faz assim: cozinha a geleia sem nada, até reduzir. Desliga, espera dar uma esfriadinha e adoça com o adoçante que você tem em casa - devagar, prá não exagerar. Sucralose é bom, frutose também, são mais naturais e gostosos - eu acho. 

Então vão lá, fazer geleia - e também vão lá, dar uma chance prás pessoas. Lógico que vai ter uns estrupícios, gente que vai fazer você olhar prá trás e dizer prá si mesmo "Caramba! Por que mesmo que eu perdi tempo com essa criatura?!" - mas também vai ter gente boa, que você não ia ter a menor ideia de que vale a pena se ficasse assim, julgando de longe e excluindo da tua vida...

20 comentários:

  1. Oi Rosa querida, fique tranquila é só check up de rotina e um pouco de cansaço… Semana que vem estou de volta.
    Adorei a receita da geléia.
    Sabe, quando encontrei a minha Bianca (a gata mais maravilhosa do mundo) abandonada no pet, senti raiva da mulher que a largou lá, mas depois passei a agradecer a ela mentalmente primeiro por tê-la tirado do lugar onde queriam matá-la e segundo por tê-la abandonado, senão eu não teria essa fofura na minha vida.
    Bjs querida e até a volta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, Doutora querida - então vê se descansa bastante e se cuida. Quanto à história anterior da sua gatinha, é como uma daquelas surpresas que a vida dá prá gente e que vem mescladas com uma pontinha de tristeza - prá ela, a história de verdade começou quando te encontrou... Beijão!

      Excluir
  2. Obaaa! Eu gosto muito de geléia de laranja, imagine essa de mexerica morgot, que eu adoro! Compro uma de laranja que vem com esses pedacinhos de casca, deliciosos. Vou fazer e te conto depois! Que bom (prá nós e principalmente prá ela )que você continuou a amizade com a quase-sogra do marildo!!
    beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mesmo, Luci querida, eu me sinto sempre ganhadora por tudo que eu vou aprendendo a cada situação da vida.

      Faz a geleia mesmo, que você vai amar. Beijão!

      Excluir
  3. Malvada! Você é malvada, querida amiga. Por quê faz essas gostosuras e publica na internet? Só para deixar a gente com água na boca, a baba já está escorrendo! Eu amo geleia de laranja, aquela com pedaços, imagine uma de tangerina feita com todo o carinho! É de enlouquecer de vontade. Vou experimentar fazer porque gosto muito de tangerina morgot, vitória e outras desse tipo. Obrigada pela receita e pelo carinho com que nos presenteia com suas publicações. Grande beijo e abraços apertados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa você vai adorar e vai criar o costume de fazer sempre, eu aposto. Faz que você vai ver que eu não sou malvada, não... Beijão, minha querida!

      Excluir
  4. Minha ídala, pelamor! Tu só ensina o que presta kkkkk
    Como posso ser magra com uma amiga dessas? rs
    Estou arquivando tuas receitas, uma hora começo a fazer e posto no blog, vais ver.
    Gosto como tu falas: caroçuda, estrupício hahaha
    É verdade, minha querida, eu estou aprendendo a abstrair, até que enfim!
    Não conheço o adoçante pra forno e fogão. Talvez nem exista por aqui, pelo meu reino tão distante rs
    A quase ex-sogra do teu marido, além de te 'dar' ele, ainda te ensinou a agradá-lo com receitinhas, nossa! Eita mundo lindo!

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas essa é dietética, pode fazer que não engorda! E procura esse adoçante em supermercado grande ou em farmácia - aqui a gente acha nos dois lugares. Beijão, Lia querida!

      Excluir
  5. Olá Rosa
    Não conhecia este doce...mas quando houver tangerinas em excesso...vou experimentar!
    Boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai gostar muito, Maria da Graça, dá prá comer acompanhando um pedacinho de queijo branco, fica delicioso...

      Beijão, minha querida!

      Excluir
  6. Amei seu blog,viu? Voce ja esta no meu Face...prefiro blogs...beijos...
    Cecilia, ceves2001@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Cecília querida! Fiquei feliz. Beijos!

      Excluir
  7. Olá Rosa, agradeço seu carinho.
    Essa receita da geleia deve estar uma delícia.
    Amo mexericas. A cor é de dar água na boca.
    Beijos no coração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Carla querida, espero que você experimente fazer a geleia e depois me diga se gostou... Um beijão!

      Excluir
  8. Adorei a receita e por ser diet...melhor ainda!!

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem me fale! Naquela hora que dá vontade de comer um doce, nada melhor que um que seja delicioso e que a gente possa comer sem culpa... Beijão, Fatinha querida!

      Excluir
  9. Hummmm....Rosa, minha amiga rosinha, eu já estava perdendo essa sua receita super diferente.

    Sinto pela pessoa querida com Alzheimer, é sim muito triste...triste...

    Estou salvando essa receita, para fazê-la. Minha mãe usa muito Tal e Qual, ela tem diabetes.

    beijinhos, beijinhos,

    Lígia e =ˆˆ=

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai adorar essa geleia, Ligia querida - e a mãezinha também, eu espero.

      Beijos!

      Excluir
  10. Que delícia de receita.
    Minha mãe e eu adoramos doces de frutas.
    Vou fazer qualquer hora dessas, depois te falo.
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha menina come dela todo dia, no café da manhã, antes de ir prá faculdade - é a favorita dela.

      Faz que você vai gostar.

      Beijos!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...