Generosidade...

v Ensine a outros o que você sabe: não importa se é a receita de um cachecol, do maravilhoso prato de família, aquela dica infalível para sair do aperto... Quando a gente é mesquinho, vive pequeno! Seja generoso, mesmo se o segredo compartilhado é parte do seu sustento, afinal, sempre vai ter quem prefere comprar pronto e - com certeza - sempre vai ter quem precisa da sua dica para por o pão de cada dia na mesa. Viva grande!

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Chaveirinhos de lacre de latinha!

Uns lacres, um pouquinho de Durepox, tinta, dois strass e quatro alfinetes: é isso que você precisa prá fazer estes chaveirinhos super bonitinhos!

Pega os lacres e aquelas duas massinhas (branca e cinza), alfinetes prá desenhar detalhes, agulha de crochê prá furar os olhos da caveirinha e manda brasa:
Mistura as duas massinhas (um tiquinho de cada) em partes iguais até ficar uma cor cinza clara

Depois que desenhou o rosto e o sorriso da caveira, corta com alicate as pontas dos alfinetes (+/- 1 cm) e espeta na massinha, com cuidado prá não sumir ou deixar torto os desenhos que você fez...

Depois que secou bem, cobre os alfinetes com a massinha, criando uma bolinha extra do  lado da original prá parecer ossinho...

A corujinha é muito fácil: faz os buracos dos olhos com o fundo da agulha de crochê;  as asas faz com duas salsichinhas gordinhas que, depois de amassadas, levam cortes feitos com faca ou estilete prá formar as asas...
O gatinho tá de olhos fechados, desenhados com a ponta de um alfinete, lambendo a patinha com sua língua bem pequena e tem um rabinho bem enrolado...
 Veja só como ficaram lindinhos:




Ai, ai... Isso traz recordações... Me lembra minha adolescência, quando eu fazia brochinhos prá enfeitar minha jaqueta ou minha mochila do colégio...

"Mas, dona Rosa, já existia refrigerante em lata na Idade da Pedra?"

Claro que sim! Inclusive, eu e a sua mãe apostávamos tiro ao dinossauro - eu sempre ganhava e foi lá que ela arranjou aquela marquinha que ela tem... Pergunta prá ela prá ver se eu tô mentindo...

Agora, algumas dicas caso você queira se aventurar pelo mágico mundo dos chaveiros de lacres:

- Os meus eu pintei com tinta spray bronze, mas a parte do chaveiro que ficou só no lacre descasca muito fácil. O ideal é fazer uma leve camadinha de durepox em tudo, assim você pinta e não precisa se preocupar.

- Você pode fazer um efeito superlegal pintando com duas tintas acrílicas: dourada ou prateada (em primeiro lugar) e, depois que essa tinta secou completamente, passa uma preta por cima. Daí, enquanto essa tinta preta ainda está fresca, limpa com um paninho prá dar aquele ar de brilho envelhecido.

- Enquanto faz o rostinho do teu chaveiro, não esqueça de prender uma argolinha atrás com a massinha: assim você tem onde pendurar a corrente do chaveiro.

12 comentários:

  1. Menina,

    Quanta habilidade para trabalhar com esses lacres...e ficaram bonitinhos...gostei da caveirinha!!!

    beijinhos,

    Lígia e turminha
    ✽. ¸ ¸. • * `❀ ✽. ¸ ¸. • ✽

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E eu que pensei que você agostar mais do de gatinho... Beijos!

      Excluir
  2. Nossa menina, vc eh uma artista mesmo...acompanho suas criacoes e sempre tem algo surpreendente
    Parabens!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei se são surpreendentes, mas são todos gostosos de fazer e distrair a cabeça. Beijão!

      Excluir
  3. Menina, você é uma artista hein...E que habilidosa...
    Quanta criatividade! Achei o gatinho fofo demais!
    Vou tentar fazer.
    Parabéns!
    Bjs
    Obrigada pela visita e pelo carinho lá no blog. Adoro seus comentários!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelos elogios, mas é tudo experiência. Adoro seu blog também, sempre tem assuntos ótimos. Beijos.

      Excluir
  4. Mais do que artista vc eh uma otima escritora.... dou gargalhadas lendo seus textos!!!!! Marido fic curioso em saber pq to rindo...kkkkk amei, vou mostrar tdim pra minh filhota.... beijocasss linda!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que você dá risada com o que eu escrevo - já ganhei o dia. Beijos e obrigada!

      Excluir
  5. Rosa, minha amiga querida, obrigada pela ternura, obrigada pelo apoio. Aos poucos, vou reencontrando o meu chão.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cedo ou tarde, querida Nina, todas as dores cicatrizam...Beijos.

      Excluir
  6. Adorei seu trabalho, são lindo e exigem muita habilidade, coisa que infelizmente não possuo
    Parabéns
    Rosane

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...