Generosidade...

v Ensine a outros o que você sabe: não importa se é a receita de um cachecol, do maravilhoso prato de família, aquela dica infalível para sair do aperto... Quando a gente é mesquinho, vive pequeno! Seja generoso, mesmo se o segredo compartilhado é parte do seu sustento, afinal, sempre vai ter quem prefere comprar pronto e - com certeza - sempre vai ter quem precisa da sua dica para por o pão de cada dia na mesa. Viva grande!

quinta-feira, 31 de maio de 2012

Cacharrel trançada


Esta blusa tem mais de 10 anos de idade. A lã foi comprada bem antes disso, em ponta de estoque na loja Tricolândia, na Penha,  pela metade do preço da Cristal; não tinha nome nem marca, só tinha em três cores: café com leite, grafite e essa cor, que parece suco de uva no leite. Comprei (na época) 22 cones (ÓÓÓohhhhh) e fiz toneladas de coisas prás crianças - coisas que já foram doadas faz tempo. Só sobrou essa blusa, que foi feita mais tarde. 

Aí está a receita (manequim 42/44):


É uma ótima receita, pois, como podem ver, não tem complicação com cava - você já tem trabalho demais fazendo as tranças prá ainda ter que se preocupar com diminuições...


Então faz, colega! Não tem máquina, faz à mão -  mas faz! Faz em várias cores que é o tipo de blusa coringa: se estiver muito frio, usa por baixo de um casaco; se o frio não for tanto, usa só ela que tá beleza. 

Não tem prática com trança? Faz apenas canelada (tipo 4x4) que fica pronta mais rápido e continua linda.

Bons tricôs!!!

8 comentários:

  1. amei,arrasando como sempre,bjs,Daniela

    ResponderExcluir
  2. Muito bacana seu blog, sempre passo aqui para ver suas criações.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico honrada, João. Apareça sempre. Um Abraço.

      Excluir
  3. Minina,apaixonei com seu carisma e peca feita...q coisa mais linda!!!! Tava procurando numeracao de uma cor d la e vim parar aki...adorei! Vc tem um jeito entusiasmado d falar q a gente vai lendo e qer logo fazer tudo rs...e foi por isso q eu resolvi escrever,vc flw q mesmo qem nao tem maqina pode fazer a mao,sou autodidata no trico e to doida p fazer uma blusa e essa parece legal d fzzer,so q eu fiqei com a puulga...a receita,qtade de ptos e a mesma p trico a mao?? Axei q receita a maqina p receita d trico a mao dava alguma diferenca em tam,quantdade d pts a colocar na agulha etc...? Meu email nefastaloja@hotmail.com obg,Glaucia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada por gostar do blog, me deixa muito feliz... Só que o carisma não émeu: as moças das fotos no blog são minhas filhas (muito lindas - diz a coruja..).

      Quanto à blusa: você tem máquina de tricô? Se tem, é só seguir a receita que dá certo. Se for fazer à mão, dá certo igual, só que demora prá caramba... Geralmente se pode fazer à mão ou à máquina as mesmas receitas, desde que a lã ou linha sejam finas. A diferença está no tempo de manufatura das peças - uma blusa na máquina sai em um dia, enquanto que à mão pode levar semanas - e também nos pontos, pois são mais fáceis de fazer na máquina.

      Qualquer dúvida estou à disposição.

      Beijos e tenha um ótimo final de semana!

      Excluir
  4. Rosa, boa noite!
    Primeiro parabenizar pelo blog, e por suas belas postagens, segundo gostaria de saber se é possível fazer essa blusa em tear de pregos e se você poderia me ajudar , estou fazendo uma blusa no ponto canelado, mas não sei como fazer as mangas, você pode me ajudar?
    Obrigado,
    André Luiz

    ResponderExcluir
  5. Bom, André... Depende da tua destreza no tear de pregos. Como você deve saber, o tear de pregos também é chamado de tear de tricô, justamente por nele ser executado o mesmo tipo de trabalho sem a necessidade de duas agulhas. Se você souber como trançar no tear, logicamente que pode. Só que, se eu fosse você, adaptaria a receita para uma lã um pouco mais grossa, pois acho que não compensa fazer blusa no tear com lã fina, acho muito trabalhoso e demorado (o tempo que você leva trocando agulhas de pregos, laçando em volta de cada um deles e depois pulando com o ganchinho você executa o trabalho mais rapidamente com as duas agulhas...). E quanto às mangas: depende da espessura da lã, da quantidade de pontos que você está usando prá fazer a blusa. Eu costumo me basear, nos trabalhos em tear, em trabalhos parecidos feitos no mesmo fio só que com duas agulhas. Você pode fazer assim: Se você já teceu o corpo da blusa, recorte num pedaço de papelão um quadrado vazado medindo 10 por 10 cm. Apoie sobre a parte que você já fez, faça as contas de quantos pontos e quantas carreiras mede 10 por 10 cm. Daí pegue uma manga de blusa como amostra, meça quantos centímetros tem o punho, quantos centímetros tem de comprimento até a cava e até o topo da manga e, partindo do cálculo que você fez anteriormente de pontos e carreiras faça um cálculo aproximado do que você vai precisar. Importante: sabendo com quantos pontos (centímetros) você começa a manga, meça quantos pontos (centímetros) você vai ter no início da cava: assim você sabe quantos pontos vai ter que aumentar e pode distribuir esses aumentos espaçadamente pelo decorrer da blusa. Tem um site americano cheio de trabalhos em tear de pregos, muitas das receitas são grátis:

    http://www.knittingboard.com/free-patterns-sweaters/

    Essas são de blusas, mas tem de diversos outros trabalhos, uns mais lindos do que os outros.

    Espero ter ajudado. Um abraço.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...