Generosidade...

v Ensine a outros o que você sabe: não importa se é a receita de um cachecol, do maravilhoso prato de família, aquela dica infalível para sair do aperto... Quando a gente é mesquinho, vive pequeno! Seja generoso, mesmo se o segredo compartilhado é parte do seu sustento, afinal, sempre vai ter quem prefere comprar pronto e - com certeza - sempre vai ter quem precisa da sua dica para por o pão de cada dia na mesa. Viva grande!

segunda-feira, 15 de junho de 2015

Colete abotoado




É o meu jeito de fazer colete com abotoamento - um jeito simples, na verdade, bem arroz-com-feijão. Mas é uma mão na roda porque apesar de ser meio detalhado (por causa do montão de fiozinhos que eu vou amarrando na peça...) é muito fácil.

Colete feito pro Dia dos Namorados - primeira vez que faço listrado. Já fiz montes de jacar - que Sua Majestade adora - mas agora fiz assim, prá descomplicar e também porque achei as listras muito lindas.

Aliás, fiz copiando uma blusa que acabei de fazer prá Fernanda, amiga do coração da minha Lola - ficou um arraso e logo posto a foto e a receita. A lã eu comprei prá blusa, o colete eu fiz com a sobra. Juntos (colete e blusa) me saíram por aproximadamente 25 reais (porque ainda sobrou lã...) e isso porque paguei preço de ouro: 43 reais o quilo na Tricolândia. Se vocês comprarem na Casa das Lãs sai por metade disso...

Bom, taí a receitinha de mãe:


Você faz o colete - costas lisas, frente listrada - gastando menos de 300 g de lã 2/28 (150 de cada) mas tem um pulinho do gato:

Na hora de fazer as frentes faça a troca de cores acontecer sempre no lado da costura lateral (e não da tira do abotoamento). 

Num dos lados naturalmente acontece assim: para o carro do lado que você acabou de fazer a barra, passa os pontos prá máquina, muda a regulagem do carro, muda a cor do fio e vai tecendo as listras, sempre trocando de cor desse lado. 

Daí quando for fazer o outro lado você termina a barra, passa os pontos prá máquina, corta o fio e, tirando o carro da máquina, inverte ele de lado. Assim as emendas ficam no lado contrário ao da outra parte, que você fez primeiro.

É importante fazer isso prá não ficar com sobras de fios no centro do colete - você quer ele o mais limpinho possível e, nas laterais, dá prá esconder essas sobras na costura.

Outra coisa: sei que tem outros acabamentos prá coletes, feitos por partes: uma frente, depois a outra, depois as costas. Daí costura e emenda tudo. Essa minha tira é mais prática, pois é feita numa peça só, sem emendas. Você faz as marquinhas amarrando pedaços de fios coloridos a cada etapa de sua feitura - e isso é uma mão na roda na hora de pregar a tira no colete: Você alinhava sempre fazendo coincidir as marquinhas com o começo do decote (dos dois lados), com o final dele e com o centro das costas. Assim não tem erro e nada fica deformado, as duas frentes medem igual - super importante especialmente se é listrado ou desenhado e a padronagem tem que coincidir dos dois lados.

Ah, uma coisa boa de colete abotoado é não precisar marcar a cartela quando faz jacar: vocês não acham horrível aquela memorização da cartela prá um lado ficar igual o outro? Mesmo depois de trocentos anos fazendo tricô sempre acho chato... Assim cada lado se faz separado, não precisa esquentar a cabeça com cartela nem com agulhas suspensas, nada, nada. Mamão com açúcar!

Imagina só o preço de um colete desses numa loja de marca: não sai por menos de 150 reais - de verdade! E você faz num instantinho por menos de um décimo do preço - bom demais, né? 

Homem adora colete, deixa o corpo quentinho e os braços livres prá eles trabalharem... Eles merecem esse carinho...

Espero que tenham gostado da receitinha...

10 comentários:

  1. O maridão é certamente o homem mais bem vestido das redondezas! E o preço, absolutamente inacreditável. Muito bonito e muito barato. Rosinha você poderia ficar rica com os seus tricots! Verdade, mesmo!
    Beijo, querida.

    ResponderExcluir
  2. Rosa

    Ótimas cores resultando em um belíssimo e caprichoso trabalho.
    Parabéns.

    Bjs e ótima semana. :-D

    ResponderExcluir
  3. Rosa, se você fosse vender esses coletes estaria rica, mulher! São lindos e super bem-feitos.
    Adorei. Quanto às camisas do marido, ele nem percebeu que fiz um limpa. As toalhas ficam no lavabo do ateliê que ele dificilmente usa. Certamente quando ver nem vai lembrar que aquilo já fora camisa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Rosinha, lindo o colete, é só miminhos para o maridão, beijo amiga

    ResponderExcluir
  5. Rosa...sua escolha ficou magnífica e o maridão ficou um charme!
    Parabéns por mais um belo trabalho! Bj

    ResponderExcluir
  6. Oi Rosinha querida,

    Que colete lindo, o marildo ficou muito elegante com ele...
    Êta mulher caprichosa!
    Espero que tudo já tenha voltado ao normal, que o marildo esteja recuperado e você esteja bem.
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Lindo seu colete Rosa, rosinha.

    Tenho certeza que sua majestade ficou hiper feliz com essa demonstração de carinho.

    Ele ficou muito...(como diz minha mamys) ..."guapo" !!

    beijinhos, tenha uma bonita semana.

    (Ué...na sua postagem O SEGUNDO, eu escrevi, escrevi e não vi publicado...sai da sua página e fui conhecer o blog da Fatinha...será que não publiquei?? Não faz mal, amanhã volto sem sono e comento novamente e ...também vou dar umas espiadelas nas demais postagens...adoro suas postagens, minha amiga querida Rosa, rosinha!! )

    bjim de novo, Lígia e =^.^=

    ResponderExcluir
  8. hãhã...agora fiquei aqui vendo a publicação do comentário...

    hehehe...vou ficar mais atenta!

    bjjim

    ResponderExcluir
  9. Oi, Rosa

    Está sumida. Você está bem?

    Bjs
    Fatinha

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...