Generosidade...

v Ensine a outros o que você sabe: não importa se é a receita de um cachecol, do maravilhoso prato de família, aquela dica infalível para sair do aperto... Quando a gente é mesquinho, vive pequeno! Seja generoso, mesmo se o segredo compartilhado é parte do seu sustento, afinal, sempre vai ter quem prefere comprar pronto e - com certeza - sempre vai ter quem precisa da sua dica para por o pão de cada dia na mesa. Viva grande!

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Balões


Certa vez, um grupo de 50 pessoas estavam participando de um seminário. 

Repentinamente, o orador parou de falar e decidiu propor uma atividade em grupo: entregou a cada participante do seminário um balão e pediu que cada um escrevesse nele seu próprio nome, usando um marcador permanente.

A seguir todos os balões foram coletados e dispostos, uns sobre os outros, em uma sala contígua.

Os cinquenta participantes do seminário foram então levados à sala onde estavam os balões e lhes foi proposto que achassem seu próprio balão, com seu nome escrito, em meio a todos os outros e, para essa tarefa, lhes foi dado o prazo máximo de cinco minutos...

Todos começaram a procurar freneticamente seu próprio balão, colidindo uns contra os outros, se empurrando, nervosos - e o caos se instalou bem rápido.

Ao final dos cinco minutos estipulados nenhum participante sequer tinha conseguido achar seu próprio balão...

Foi-lhes pedido então que cada um pegasse um balão aleatoriamente e o entregasse à pessoa cujo nome nele estava escrito - em questão de minutos, todos estavam segurando em mãos seus próprios balões.

O orador então, tomando a palavra, começou a dizer:

-"É exatamente assim que acontece em nossas vidas...

Todo mundo está procurando a própria felicidade em toda parte, freneticamente, o tempo todo, sem ter a menor ideia de onde ela se encontra.

A nossa felicidade reside na felicidade das outras pessoas.

Dê aos outros felicidade e a sua própria felicidade virá até você.

Esse é o verdadeiro propósito da vida humana..."



(Copiado descaradamente por mim do site 9GAG)

10 comentários:

  1. Nossa Rosa, que vivência linda! Um grande ensinamento para esta era de narcisismo tão exacerbado, não é?
    Adorei!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim, embora difícil de ser aplicado plenamente, dá prá gente ir fazendo aos pouquinhos, não dá?

      Beijos, Doutora querida!

      Excluir
  2. Tão simples e verdadeiro, mas difícil de executar...
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Luci querida, é difícil mesmo... Mas um pouquinho por vez a gente consegue...

      Beijos!

      Excluir
  3. Rosa que mensagem linda, é quase uma utopia né, mas vamos começar fazendo a nossa parte quem sabe até pega.
    Bjos e fique com Deus,
    Marlene

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me lembra aquele filme, a "Corrente do Bem", não lembra? Pena que estragaram o final...

      Beijos, Marlene querida, e obrigada!

      Excluir
  4. Olá Rosa querida!
    Pois é amiga..."fundamental é mesmo o amor ,mas é impossível ser feliz sozinho".Amei o texto,assim como tudo que você escreve!
    Beijos no coração!
    Cristina Peres RJ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Cristina querida, mas desta vez o mérito do escrito não é meu, eu copiei de outro lugar porque adorei...

      Beijos!

      Excluir
  5. Conclusão: Não é complicado ser feliz.

    Texto delicioso de se ler.

    Bjs

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...