Generosidade...

v Ensine a outros o que você sabe: não importa se é a receita de um cachecol, do maravilhoso prato de família, aquela dica infalível para sair do aperto... Quando a gente é mesquinho, vive pequeno! Seja generoso, mesmo se o segredo compartilhado é parte do seu sustento, afinal, sempre vai ter quem prefere comprar pronto e - com certeza - sempre vai ter quem precisa da sua dica para por o pão de cada dia na mesa. Viva grande!

sexta-feira, 28 de março de 2014

"Houston, nós temos um problema..."


Dona Rosa tem: o colesterol tá nas alturas, o triglicérides tá quase na estratosfera - e aquele negócio que dá no exame de sangue que significa que tá com o fígado adoentado, tá pior... - pobrezinha da velha...

Vê só como são as coisas: quando era pequena queria comer e não tinha - agora tem de sobra e tem que fechar a boca. Isso é justo? Não, mas nem sempre a vida é...

E se a gente for ficar chorando as pitangas, não resolve nada. Tem que agir. Já que tem que comer - porque tem fome - tem que fazer comidas gostosas e saudáveis. 

Primeira comidinha prá comer sem culpa: Hambúrguer de Forno Vegetariano - isso mesmo, nenhum animal foi ferido durante essa experiência, eu garanto.

Ingredientes (Massa):

1 envelope de fermento biológico seco;
3/4 de quilo de farinha de trigo (pode usar integral e pode fazer uma mistura, usando farinha integral, de linhaça, de cevada, etc - fica super nutritivo, mas eu tava sem...);
1/2 litro de água morna;
1 colher (sobremesa) de sal de alho (esmague um dente de alho com uma colher (chá) de sal até o alho sumir por completo);
1 envelope de Sazón (opcional) - vermelho ou laranja;
1 colher (sopa) de azeite de oliva.


Misture a farinha e o fermento, junte o azeite, o sal e o Sazón. Acrescente a água morna, vá mexendo com uma colher até onde der - daí passe a misturar com as mãos, até que a massa desgrude da bacia, acrescentando um pouco mais de farinha, se necessário. Reserve.

Ingredientes (Recheio):

Queijo Cotage caseiro (ensinei a fazer AQUI);
1/2 pacote de proteína texturizada de soja;
2 colheres de sopa de cebola desidratada (se usar cebola comum pique o menor possível - ou rale, de preferência);
10 azeitonas verdes picadas;
vinagre;
1 colher (sopa) de azeite de oliva);
água;
sal de alho;
molho de pimenta.

Frite a cebola no azeite. Se for desidratada frita muito rápido, então cuide prá não queimar. Prefiro cebola desidratada porque, além de mais prática, deixa um sabor muito mais gostoso... Acrescente a proteína SEM HIDRATAR PREVIAMENTE e frite. Vá acrescentando de forma alternada um tanto de vinagre, um tanto de água e mexendo em fogo baixo, até que a proteína fique molhadinha. Tempere com sal de alho e molho de pimenta. Fica assim:


Pegue a massa, divida em bolas do tamanho de ovos de galinha. Enfarinhe uma superfície e abra uma bola de cada vez com o rolo.

Quando a massa que eu estou abrindo é de pequenas quantidades eu não uso rolo - uso uma garrafinha de vidro. 

Esta aqui, por acaso, é de molho de pimenta. É leve, higiênica (vidro sempre é...) e muito prática, de bom tamanho pro serviço. Aliás, prefiro sempre usar garrafas prá abrir massa - a de pinga 51 é ótima, tem um formato e um gargalo muito bons. Muito melhor que rolo de madeira ou de qualquer outro material, pois vidro não mofa e é sempre mais fácil de manter limpinho depois do uso...



Depois de abrir a massinha numa espessura bem fininha (2 ou 3 mm) eu coloco o recheio no centro: uma colher (sobremesa) de cottage, 3 de proteína de soja temperadinha. 

Fecho como uma trouxinha, aperto bem pro recheio não vazar, passo um tiquinho de farinha na base e disponho na assadeira, nem precisa untar. Arrumo um hamburguer do lado do outro até a assadeira ficar cheia. Ah, enquanto eu tô fazendo essa parte, já acendi o forno prá pré-aquecer...


Fiz também recheio de queijo cottage, tomate picadinho temperado com orégano e um restinho de proteína (1 colher em cada). 


No total, com a massa que eu fiz, renderam 12 hamburguers (do tamanho que vende no McDonalds) de proteína com cottage e quatro de cottage com tomate e proteína - legal, né? Rende bem esse "quase um quilo" de farinha...


Pincelei com uma gema misturada com shoyo.

Daí, acabando de montar tudo, nem precisa deixar crescer. Se vocês repararam, não deixei a massa crescer nenhum minuto - é que ela é fininha, não precisa!



Leva prá assar em forno médio por mais ou menos meia hora - dependendo do forno. Prá saber se tá pronto pega uma espátula e tenta soltar o fundo - se sair fácil, tá pronto!

Olha como, depois de assado, quase explode o recheio prá fora:



Cortei ao meio prá vocês verem:




Fica com mais massinha no centro (por causa da trouxinha...), mas no restante fica fininho, leve, pouco carbo-hidrato. Rápido e fácil de fazer - e fica delicioso também! Meus filhos adoram quando faço - antes eu fazia com mais calorias, sabe como é... - a casa fica com aquele cheirinho gostoso de lar... Sem falar que cebola fritando cheira bem demais, não é mesmo?

Então tá - aproveitem prá experimentar a receita, fica boa com qualquer recheio: legumes refogadinhos, palmito, queijo com tomate... Pode polvilhar parmesão em cima, gergelim... E prá fazer doce é só substituir o sal da massa por um tantinho só de açúcar - do gosto da freguesa.

Boas comidinhas!!!

24 comentários:

  1. Adorei a receita! Já copiei.
    Cuide-se bem Rosa, você merece.
    Bjs querida e ótimo final de semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Doutora querida. Beijos e uma linda semana prá você também!

      Excluir
  2. Ai Rosa, o colesterol é meu companheiro desde os 20 anos de idade. Já parei de comer muita coisa, já me tornei vegetariana, mas apenas a terapia do suor (caminhada/ginástica) faz diminuir este risco.
    Agradeço por sua visita no meu cantinho, beijo, bom final de semana,
    Claudia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa! Deve ser genético então... Mas tenho certeza que você se cuida, Cláudia querida, não comete os meus excessos...

      Beijos e tenha uma linda semana!

      Excluir
  3. Oi Rosa!!!
    Adorei a receita!!!
    Aqui em casa estou diminuindo tb as calorias!!!
    Comecei a consumir berinjela, que antes eu nem gostava!!! Faço com ovos batidos ligeiramente e coloco para fritar com pouquíssimo óleo, em uma frigideira de cerâmica!! Fica muito bom e leve!!!
    Obrigada por compartilhar a receita!!!
    Bjos!!
    Bom fim de semana!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Zilnete querida! Vou experimentar essa tua receita da berinjela.

      Beijos e tenha uma linda semana!

      Excluir
  4. Rosa...Rosinha do céu!!

    Hummmm....gostei dessa receita ainda mais por ser vegetariana, não que eu seja mas...não sou fã de carne vermelha embora me alimente dela 1x semana.

    Dizem que berinjela ajuda a abaixar o colesterol mas nada de fritá-la, hein? Sei que é gostosa aquela receita que você faz delas empanadas e fritas mas...aumenta o colesterol e você já deve saber quais as consequências, né?

    Olhe neste site abaixo o que ajuda a beneficiar o fígado:
    http://formasaudavel.com.br/alimentos-beneficos-para-o-figado/

    Esse site é ÓTIMO.

    Bjs e bom final de semana p/vocês.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei a dica do site, Fatinha querida - muito obrigada por me passar. Vou procurar fazer mais receitas conscientes...

      Beijos e tenha uma linda semana!

      Excluir
  5. Olá Rosa!
    Adorei e já estou levando para mim.
    Cuide bem de vc amiga.
    Beijos e bom fds

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Carla querida. Beijos e uma ótima semana!

      Excluir
  6. Olá,Rosa!
    Adorei a receita,e já copiei para fazer no fim de semana!
    Estou parando de comer carne vermelha!
    E mais....cuide-se pois sua maior fã é você mesmo!!
    Depois de todas nós que te acompanhamos......
    Com carinho.....doces beijos.....
    Cristina Peres RJ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Cristina querida. Pode deixar que eu tô me cuidando mesmo.

      Beijos e tenha uma ótima semana!

      Excluir
  7. Rosa querida:

    Amo seu blog, e principalmente das suas histórias. Minha filha de 10 anos já sofre, por genética, destes dois mal. Também controlo a alimentação dela. Vi sua receita e tenho um conselho a te dar, tome cuidado com temperos prontos, tipo caldo Knorr, Sazon, assim como molhos prontos e enlatados. Tem uma moça que edita filmes bem bacanas falando dos produtos industrializados, digita " do campo para a mesa". Vc vai ficar boba. Bjs carinhosos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, o médico do meu irmão já nos alertou acerca dos temperos prontos. Eu só os uso muito raramente, em casa eu faço sal macerado com alho e é excelente, nenhum caldo industrializado se compara...

      Pode deixar que eu vou checar sua dica o quanto antes.

      Beijos e obrigada!

      Excluir
  8. Rosinha, " de médico e de louco, todos temos um pouco"!
    Então, aí vai - corta nos laticínios! O queijo é muito bom, mas veneno puro para o LDL - o colesterol mau!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Nina, laticínios não!!! Eu amo queijo, sou uma rata... Mas vou maneirar, diminuir - cortar de vez, nunca...

      Beijos e obrigada pela preocupação, minha querida.

      Excluir
  9. Rosa...receita gostosa arquivada para um dia tentar fazer!
    Bom domingo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Maria da Graça querida. Beijos e tenha uma linda semana!

      Excluir
  10. Feitas por suas mãos parecem uma delícia... e veja onde as “friturinhas do paraíso” levam... às alturas... rsrs Tenho fé que você conseguirá se alimentar bem e com qualidade, pois capricho não lhe falta.
    Sobre à fórmula da felicidade, ainda sofro pelas “ilusões” juvenis que me foram vendidas. Custa-me admitir que não gosto de ser “dona-de-casa”. Amo trabalhar fora. Só me sinto feliz quando todos ajudam nos trabalhos domésticos, sou do tipo “moradora de república” rsrs.
    Uma ótima semana pra ti,
    Bjs
    Mara

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com você - fazer serviço de casa é muito custoso, ninguém dá valor, num instante vira uma bagunça tudo de novo. Não vejo a hora que inventem robôs prá isso...

      E quanto às friturinhas do paraíso eu só fazia "de vez em quando", agora parece que vou fazer "de vez em nunca"... Fazer o quê, né? tem que cuidar da saúde...

      Beijos e obrigada pela preocupação!

      Excluir
  11. Querida Rosa, se serve de console também estou cheia...cheia colesterol, triglicerides e tudo mais que excede....excede minha paciência em ter que assistir alguns mortais escolhidos a dedo pela natureza que comem, comem e comem (meu marido por exemplo) que nem sequer alteram a pressão arterial, pois "euzinha" aqui, também fa¢o uso de medicamento pra pressão alta...ohhh vida "difici" rsrs. Mas tá "baum" alguém tem que ser feliz kkkk.
    Ainda bem que existe vc e sua criatividade deliciosa que nos presenteia com suas receitas....obrigada querida !
    Abraços de alma pra alma

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu marido também, come muito mais do que eu, adora uma fritura, e graças a Deus não tem nada disso. Acho que com mulher é mais complicado mesmo...

      Beijos e muito obrigada, minha querida.

      Excluir
  12. Rosa, rosinha, você já está se cuidando??

    Essas doenças são silenciosas e traiçoeiras!!

    Rosa, sua receita parece deliciosa!!!

    Eu vou fazer qualquer dia desses!!....mas primeiro tenho que parar em casa...rsrsrrs

    Rosa, coma muitas frutinhas, verduras e legumes e chás naturais!!!

    A vida é assim mesmo...você pode comer sim, mas...nada de açúcares, massas, carnes, gorduras e industrializados...-- isso tudo desde sempre, foi prejudicial à saúde!!

    Mas, sabe, acho que a genética tem um pouco de culpa.

    Meus avós comiam mantecal toda semana, azeitonas, queijos, jamón no café da manhã, pão com toucinho todas as tardes com café, além de que minha avozinha cozinhava tudo na banha de porco....e NUNCA tiveram pressão alta...colesterol, triglicérides, diabetes. Ele foi-se embora com 92 anos - complicação pulmonar e ela com 99 - alzheimer. Os médicos de ambos ficavam bobos e diziam que eles tinham o coração de uma criança!! Vai entender!!!!

    Ahhh...e agora, não esqueça de tomar os remédios!!

    Amiga, te cuida!!

    Tenha uma ótima noite,

    beijinhos,

    Lígia e =^.^=

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, adoro mantecal... Tô me cuidando sim, nem comi pizza no fim de semana - e eu adoro marguerita... Agora tenho um montão de exames prá fazer e a família oda tá pegando no meu pé - meléca...

      Mas vai dar tudo certo, Deus tá tomando conta.

      Beijos, Ligia querida, e obrigada pela preocupação.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...