Generosidade...

v Ensine a outros o que você sabe: não importa se é a receita de um cachecol, do maravilhoso prato de família, aquela dica infalível para sair do aperto... Quando a gente é mesquinho, vive pequeno! Seja generoso, mesmo se o segredo compartilhado é parte do seu sustento, afinal, sempre vai ter quem prefere comprar pronto e - com certeza - sempre vai ter quem precisa da sua dica para por o pão de cada dia na mesa. Viva grande!

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Doce de leite prá ontem!

Há uns dias atrás a Elisabete, minha querida e adoravelmente comentadora do blog, me pediu uma receita de doce de leite. 

Doce de leite... Uma delícia tão simples, um doce dos tempos de antigamente. Adoro - de todos os jeitos: aqueles quadradinhos meio sequinhos, que a gente dá uma mordida e deixa desmanchar entre a língua e o céu da boca... Aqueles que vem numa almofadinha de plástico, que a gente fura e fica chupando o creminho... Adoro especialmente o que a gente faz cozinhando a lata de leite moça na panela de pressão - quanto mais cozinha, mais firme ele fica - e, prá não estragar a panela, é só deixar dentro casca de limão... Esse é o meu favorito porque não faz sujeira e tem uma textura mais macia do que qualquer outro.

Quando eu tô no sítio minha amiga Claudicéia faz um incomparável no fogão à lenha - às vezes com amendoim dentro... 

Só tem um porém: leva a vida toda prá ficar pronto... Tem que por leite e açúcar, deixar no fogo, não se pode mexer demais senão açucara, fica areioso - tem que ter manha.

Resolvi fazer umas experiências científicas prá apressar o "making off" do doce - fazer prá comer logo, prá ontem (porque, como eu sempre digo, ninguém merece passar horas na cozinha...).

Prá começar, o que é o doce de leite? Nada mais que muito leite, adoçado além da conta, cuja água vai sendo evaporada pelo calor até chegar no ponto que a gente quer. Pode ser doce de colher, pode ser pastoso ou em barra - todos gostosos. E eu resolvi fazer assim:

Uma lata de leite moça, 10 colheres (sopa) cheias de Molico em pó (era o leite que eu tinha em casa), dez colheres (sopa) cheias de açúcar, 1 colherinha (café) rasa de bicarbonato de sódio. Desmanchei tudo com a colher de plástico e levei ao fogo numa frigideira bem grande e larga, anti-aderente, fogo quente até começar fervura.

Começou a ferver eu coloquei no fogo mínimo e fui mexendo com a colher, delicadamente, sem esquecer nenhum cantinho do fundo senão queima. Mesmo sendo um bom anti aderente, se não cuidar, queima mesmo...

Depois de menos de 15 minutos já chegou na cor e na textura certas: você passa a colher no fundo e deixa um caminho vazio, igual quando faz brigadeiro. Daí desliga o fogo.
 
Juntei duas colheres (sopa) de manteiga Amélia com sal - acho que todo doce precisa de um pouquinho de sal prá ressaltar. Mexe até incorporar toda a manteiga - e o doce dar uma esfriadinha, porque tá pelando!

Unta um pote de vidro com manteiga e despeja o doce. Agora tem que esfriar prá cortar.

Tem que esfriar - Rosa, sua apressada! Até queimei a língua lambendo o que sobrou na colher - e mesmo assim ainda fiquei vigiando e atacando o doce antes dele ficar pronto(coisa feia...).
 
Quando esfriou mesmo, corta e separa as gostosuras - esse brilho, depois de um dia, some: o doce fica sequinho e delicioso e não fica tão doce quanto os comprados prontos - fica no ponto certo da doçura.

Daí eu - invejosamente, diga-se de passagem... - resolvi fazer o MEU doce de leite com amendoim. Peguei esse pacote de amendoim, descascado, torrado e salgado, lavei e sequei prá tirar o sal. 

Fiz mais duas vezes o doce: em ambas usando outro leite em pó que eu pedi pro Marildo ir comprar: Itambé, integral. Mantive a mesma quantidade de manteiga Amélia (duas colheres de sopa) nos dois, mas neste aqui, ao invés de colocar bicarbonato de sódio, coloquei fermento royal (uma colherinha de café também). Deixei ele um pouquinho mais claro, tentando fazer um doce mais cremoso... Acho que ficou cremoso demais - não queria secar de jeito nenhum... contudo, acho que o tipo de leite interfere no resultado final: o leite desnatado deixa o doce mais seco e firme, o leite integral - como tem gordura - deixa o doce mais pastoso - melhor seria diminuir a quantidade de manteiga....
No do amendoim eu coloquei bicarbonato de sódio de novo - ele ajuda a ficar mais sequinho, de cortar. Aliás, um aparte acerca do bicarbonato de sódio: vende baratinho na farmácia e tem um grande uso no banheiro: sabe quando a gente tá escovando os dentes e a escova escorrega e machuca a gengiva? molha a ponta do dedo na água, mergulha no bicarbonato e passa no machucado dentro da boca - sara rapidinho... Bom, misturei o amendoim  e coloquei no marinex untado, prá secar:

Eis os dois. O da esquerda não secou de jeito nenhum. O da direita secou, ficou delicioso além da conta, esqueci de mostrar como ficou cortado - não sobreviveu à batalha, pobrezinho...

O que ficou molinho eu não ia desperdiçar num pote, prá por num bolo ou comer de colher: resolvi fazer mais experiências científicas. Derreti primeiro chocolate branco - nem derreti direito, ficou meio empelotado...), fiz as bolas do doce, como se fossem brigadeiros e, com o auxílio de dois garfos, passei as bolas no chocolate e pus prá secar no papel manteiga. 

Aqui está um deles - não ficou obsceno? Depois de ser mordido por mim notei uma festa de sabor na boca: moliiiiinho por dentro! Mas eu ainda não estava satisfeita: o chocolate branco é doce demais pro meu gosto - eu precisava do chocolate meio amargo prá contrabalançar...
 
Fiz bolinhas menores - procurando fazer todas do mesmo tamanho - derreti o chocolate meio amargo e mandei brasa nos bombonzinhos:

Mergulha, vira com o garfo, deixa escorrer o excesso e põe prá descansar no papel manteiga

Repete o processo até acabar...

Espera secar na temperatura ambiente - ou, se você é apressada como eu, puxa o papel manteiga com cuidado prá uma bandeja (porque ele tava apoiado num pano de prato...) e leva prá geladeira uns minutinhos até perder o brilho. Pronto! A casquinha endureceu, eles soltam fácil do papel manteiga - e dão uma leve escapadinha prá fora, no último lugar que demorou prá ficar cascudinho do doce - parece que tá mostrando a linguinha prá gente - malcriados! Já dou um jeito neles!

Ói que lindo!

Ói que gostoso! continua macio por dentro e com casquinha diliça por fora!
Agora - imagina as possibilidades: colocar coco ralado no doce - seco ou fresco... Picar ameixas secas enquanto tá mexendo ele - as ameixas vão roubar um pouco da umidade do doce prá se hidratar e vai apressar o ponto! Suco de maracujá concentrado e um pouco mais de leite em pó prá contrabalançar a umidade - Hummm! Com o tempo vou fazer todos...

É ISSO!!! Acho que vou montar uma fábrica de doce de leite e ficar milionária! O blog não vai se chamar mais A Rosa Na Janela - vai se chamar A Rosa No Fogão!

Náááááááááá..... Se a idéia é passar o mínimo de tempo na cozinha eu vou arrumar sarna prá me coçar? Quero mais é que os filhos arrumem empregos milionários, que é prá eu comer fora todo santo dia - cozinha, só de vez em nunca...

23 comentários:

  1. Sempre amo suas receitas e vivo testando td que vc faz :)
    continue sempre fazendo essas delícias maravilhosas. Parabéns!!

    Bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você testa minhas receitas! Mais um motivo prá eu caprichar, minha querida. Beijão e obrigada!

      Excluir
  2. Nossa Rosa, ainda bem que aí é todo mundo magro. Eu não posso fazer isso aqui em casa senão eu não paro de comer, aff...
    Aqui em casa, doce só qdo vem visit, assim acaba logo e eu não engotdo sozinha, hehe
    Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vixe! Quem dera eu fosse magra! Eu sou mais ou menos a "ovelha gorda da família", só como à minha vontade mesmo quando ninguém tá olhando - todo mundo aqui em casa vive pegando no meu pé... Mas eu acredito que a gente tem que ser feliz - se a pessoa só é feliz se ajustando ao molde de magreza, então seja feliz fazendo dieta, malhando até gastar as articulações... Eu sou feliz de outra maneira...

      Faz o doce, separa uns prá você e dá os outros de presente - espalha as calorias por aí...

      Beijão!

      Excluir
  3. Rosa querida sua cozinha virou uma doceria!
    Não consigo comer coisas com muito açúcar, mas um quadradinho de doce de leite sempre é irresistível...
    Já anotei a receita, pois meu marido é louco por doce de leite.
    Bjs e ótima semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é - às vezes ela é pastelaria, às vezes boleria... Faz o doce pro teu Marildo, Doutora querida - aqui em casa eu tô sempre adoçando o meu... Faz parte da vida um docinho de vez em quando, não é mesmo?

      Beijos!

      Excluir
  4. Rosa, há tempos que leio o seu blog e não há como não morrer de rir com as suas colocações, sempre tão pertinentes...os comentários paralelos então, és uma mulher admirável, sua energia é radiante e contagiosa..e como já disse uma leitora sua, "eu gostaria que voce fosse minha vizinha" também :) rss, parabéns, beijos, muita saúde pra voce e sua linda família!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gosta do blog (e de mim...), Cris querida! é um prazer prá mim partilhar as coisinhas que eu faço. Beijos e muito obrigada!

      Excluir
  5. Puxa... que aula de doces maravilhosa! Quero experimentá-los, todos. Bom para fazer e presentear.
    Gostei de todas as versões, mas como gosto de chocolate meio amargo, vou testar logo este rs
    Poderias sim, fazer e vender. Sabes a quanto comprei 4 docinhos, este fim de semana? Por 20 reais. Eram varições de brigadeiros, um pouquinho maior que o tamanho normal. Só porque são embalados numa caixinha de scrap, cobram este absurdo.
    Me deste um monte de ideias. A Isabela, minha filha, fez um curso no lugar onde comprei os doces, e já pensa em fazer para vender. Daí, pode usar tuas variações de doces para vender também. Acho que fará sucesso!
    Rosa, fiquei imaginando o trabalho que deu para fazer esta postagem, fotografando cada etapa do processo. Até que não, né? Fazendo as provas, nem sentiu o tempo passar rs

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Achei uma ideia ótima a tua filhinha querer fazer doces prá vender - apoie e ajude, que é assim que começam as boas empreendedoras. Vou ver se eu faço mais doces fáceis e gostosos prá inspirar vocês.

      (Ah, e não deu trabalho nenhum - nem fazer os doces e nem fotografar...)

      Beijão!

      Excluir
  6. Minha amiga, qui diliça!!!!! Amo demais as suas postagens, e quando tem uma receita testada e aprovada, melhor ainda! Obrigada por compartilhar. Grande beijo e boa semana, dona Rosa no Fogão!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Ligia querida - essa postagem foi de dar água na boca mesmo...

      Beijos!

      Excluir
  7. Nossssa
    nem vou dizer que fiquei com agua na boca
    eu amo doce de leite feito em casa
    nao gosto de doce industrializado
    vou fazer
    se ficar bom eu venho te falar kkkk

    ResponderExcluir
  8. Linda
    eu tambem posso pedir para vc fazer um pe de moleque pra nós
    eu nao sei fazer
    e os que eu compro no supermercado
    é horrivel
    sou do tempo que as guloseimas eram gostosas
    nao gosto de doces industrializados
    lembro do sabor dos paes
    da manteiga
    hoje em dia so sentimos o gosto da gordura vegetal na maiorias das coisas que pena neh\
    bjao no coraçao!!!
    Ah nao sou chegada a cozinha
    mas doce eu amo
    e umas tortinhas de sal de vez enquanto eu faço rsrssrsrsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assim que eu fizer pé de moleque eu posto, tá bom? Prometido.

      Excluir
  9. Tava vendo suas postagens
    de blusas de croche
    minha amiga do curso
    me pediu pra arrumar pra ela
    uma blusa bem facinha de senhora
    pra fazer
    ai eu vi uma ai de croche
    salvei pra ela ver se faz
    o negocio dela qie ela joga indireta pra eu fazer isso sim rsrrs
    mas eu nao posso sou mais mole que uma tartaruga
    vi tambem que vc assiste filme ja de olho nas roupas de trico
    ou croche kkkk
    sua cabeça deve ferver ai de ideias neh
    um dia tu joga um pouco da agua que toma banho
    pra eu banhar na agua e ficar inteligente
    um bjao rsrrssrsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Deus! Essa da água do banho eu nunca tinha ouvido, minha querida! Acho que não dá certo...

      Beijão e obrigada!

      Excluir
  10. ai d rosa que delicia vou fazer mais meu marido anda doente não sei o que ele tem anda com umas dores no ABDOMEN não esta nem dormindo direito, vamos no medico hj to passando por aqui bem rapidinho mas adorei a postagem assim que tiver um tempinho vou fazer adoro doce de leite ai com coco fresco então deve ficar ótimo. minha filha ganhou uma blusa linda depois vou postar a foto e logico pedir sua preciosa ajuda, pois quero fazer outra igual ou pelo menos parecida rsrsrs bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tadinho do teu marido - vou rezar por ele, se Deus quiser não há de ser nada, minha querida. Beijos.

      Excluir
  11. ai d rosa obrigada pelo carinho, era o intestino muito preso, abusou das massas e já teve uma cirurgia de anos atrás que o medico já disse que se ele não se cuidar vai ter que fazer de novo e a diabetes que esta alta, mas ele já esta medicado e esta melhor bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Graças a Deus que tudo está bem, Elisabete querida! Faz ele comer laranja com bagaço que ajuda o trânsito do intestino e beber muita água - pelo menos 2 litros por dia.

      Beijos!

      Excluir
  12. Adorei seu blog, suas receitas, e especialmente seu jeito de ser. Beijos

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...