Generosidade...

v Ensine a outros o que você sabe: não importa se é a receita de um cachecol, do maravilhoso prato de família, aquela dica infalível para sair do aperto... Quando a gente é mesquinho, vive pequeno! Seja generoso, mesmo se o segredo compartilhado é parte do seu sustento, afinal, sempre vai ter quem prefere comprar pronto e - com certeza - sempre vai ter quem precisa da sua dica para por o pão de cada dia na mesa. Viva grande!

sexta-feira, 14 de junho de 2013

O Xale Ondas feito à mão...



Fiz todinho no sítio, no último feriado - não fiz mais nada... Sentada na varanda, olhando o mundão verde sem fim, vaquinhas pastando ao longe, parecendo piolhos brancos na cabeleira verde da terra... 

Choveu, fez uma lameira danada, fez frio - e aí dá-lhe lareira (uma das melhores coisas do mundo...). 

Se vocês repararem nas fotos do pap, de vez em quando aparecem meus pés de meias brancas - que o "Marildo" não abre mão da minha companhia (e eu querendo ficar lá na sala, no quentinho... Fazer o quê, né? No amor, às vezes, a gente tem que partilhar também o frio...).

Olha só como ficou lindo:








Gastei 3 novelos de mollet de 100 gramas - então o xale saiu por R$12,00. 

Escolhi mescla por causa daquele que eu vi no Face, procurei a cor mais parecida que achei. 

Já usei numa consulta médica, ortopedista especialista em mãos (as minhas estão muito ruins, rizoartrose é um tormento...). 

A cruel da médica disse que eu não posso mais tomar infiltração, que tá desgastando as articulações... Meléca! Queria imobilizar minhas duas mãos, disse que eu tinha que botar a família toda prá fazer o serviço da casa, parar com os tricôs, as costuras... Não passou nenhum remédio, porque eu não posso tomar anti-inflamatórios... 

E eu querendo sacudir ela pela gola da blusa, gritar "Tô com dor, mulher! Faz o que você estudou tanto prá fazer e me ajude!

Tá bom que eu vou ficar de mão imobilizada... Como é que eu vou resolver meus assuntos quando for no sanitário, por exemplo? Sem noção essa gente... No dia que eu ganhar na mega-sena sozinha eu faço isso - mas preciso começar a jogar antes. Vou voltar prá acupuntura.

Bom, chega de nhé-nhé-nhé, aqui vai o pap:

Monte 5 pontos na agulha e teça ponto tricô de um lado, meia do outro, por 6 carreiras

Após tecer as 6 carreiras, dê uma laçada na agulha e monte mais 5 pontos. DICA: esses novos 5 pontos nada mais são que nós frouxos que você dá com a lã na agulha.

Agora teça todos os pontos, sempre tricô de um lado, meia do outro e com uma laçada entre os dois grupos de cinco pontos.

Vão se formar duas colunas tecidas, separadas pelas laçadas, como degraus de uma escada.

A cada carreira tecida fica um fio no meio das duas colunas: é assim que você sabe quantas carreiras já fez - contando as laçadas. Fácil, né?

Aqui estão 8 carreiras unindo as duas colunas. Agora, quando for tecer a 9ª carreira, no final dela, tem que dar uma laçada na agulha e montar mais 5 pontos para a terceira coluna

Tá fácil de ver? Agora já são 3 colunas.

Agora a primeira coluna vai ficar parada: vão ser tecidas a 2ª e a 3ª colunas

Aquela laçada entre a 1ª e a 2ª colunas: deixa cair.

Vai indo assim: Sempre no fim da 9ª carreira monta mais cinco pontos prá próxima coluna. Vai tecendo até ter o número de colunas que você quiser: eu fiz 12.



De vez em quando, abra com os dedos as laçadas, pois os pontos tem a tendência de se apropriarem do fio e ficarem maiores...


Quando chega no final, quando você já montou quantas colunas você quer fazer, chega a hora de fazer a curva do canto, que tem 18 carreiras (não é por acaso: nas colunas de dentro se tece 9 carreiras na ida e 9 na volta, então a carreira coluna do canto tem que ter 18 carreiras)

Fez as 18 carreiras do canto, agora é voltar, tecendo as colunas de 2 em duas, 9 carreiras de cada vez (e agora não precisa se preocupar em montar 5 pontos, pois eles já existem...).

e por aí vai...


Chega de novo no canto, faz a curva de 18 carreiras.
Pronto. Mais fácil impossível. Os buracos vão se formando, você vai tecendo até o tamanho que você quer. Depois é só passar a ferro e usar do lado que você quiser.

Se você tem paciência faz com lã fininha, de cone ou de bebê, que fica delicado, como o violeta que eu fiz AQUI

Que tem passo a passo bem AQUI.

Bom final de semana! Bons tricótis!

38 comentários:

  1. Rosa, esse também ficou lindo! E as fotos estão muito boas, tudo muito bem explicado. Eu ainda nem comprei a lã, sou tããõ enrolada. Faço muitos planos, e realizo pouco!! Preciso organizar melhor o meu tempo. Ah, e adorei o alfineteiro, ficou parecendo um puff. Ganhei um que é uma poltroninha feita com mini garrafa pet. Também uma graça!!
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas é assim mesmo: eu também vivo cheia de planos, começo um montão de coisas... De repente a inspiração chega e elas saem... Obrigada pelo carinho e pelos elogios e um lindo sábado prá você.

      Excluir
  2. Lindo ponto!!! Rosa, morando em São Paulo vc tem inúmeros médicos muito bons! Procure até achar uma solução. Sempre tem novos tratamentos!!!!
    bj e tcuida!
    Olivia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A acupuntura sempre dá uma aliviada, preciso é criar coragem de perder o dia todo prá ser atendida... Beijos e obrigada pelo carinho.

      Excluir
  3. Já estou começando... vamos ver se consigo!!! Brigaduuuuuuuuu!!!
    Bjus!!!
    Liege

    ResponderExcluir
  4. Rosinha, querida, às vezes penso como seria a ,minha vida se, por qualquer situação, não pudesse usar as mãos... seria duro.
    No teu caso, acho mesmo que deverias parar por um tempinho, dar descanso às articulações e recuperar dessa coisa chata. Se insistes, parece-me que agravarás a lesão. Bem sei que é difícil, para mais olhando essa maravilha que tricotaste, mas, fazer o quê? Vou tentar reproduzir o irreproduzível... tentarei.
    Amanhã vou para Inglaterra. Só o fim de semana. Ver o meu bebé. Logo voltarei com novidades. Muitos beijinhos, muitos carinhos para ti.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Inglaterra! Que maravilha! Já vou ficar esperando as fotos, as narrações da viagem. Beijos e obrigada pela preocupação.

      Excluir
  5. d rosa lindo como sempre em relação as cores, ma maquina sera que dá pra fazer com fio industria( 3 fios ou 4 fios) mesclado deve ficar lindo não? com relação a sua saúde cuide muito bem pois a saúde é nosso maior patrimônio, com relação as dores realmente que tem problema renal não pode tomar anti- inflamatório mas analgésico pode( acabei de sair de uma consulta com uma nefrologista, muito boa,fui levar meu sogro que teve um avc e ela já disse que ele terá de fazer dialise daqui a algum tempo, que uma vez desencadeado o problema renal ele só progride enfim como disse a olivia claudia procure outro profissional)e tbm fiz aux. de enfermagem, tem médico que as vezes não sabe o que diz..... bjs e se cuide.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dá prá fazer na máquina, com o fio que você falou - e mesclado deve ficar lindo, ainda mais se você acertar na mescla. Quanto a analgésico eu tomo, mas me deixa mole, desanimada e eu procuro evitar... Beijos e obrigada pela preocupação.

      Excluir
  6. Rosinha ,ficou lindo o xaile ,aberto parece uma borboleta
    bom fim de semana e tudo de bom...beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Mira! Beijos e um lindo sábado prá você.

      Excluir
  7. Maravilha que suas lindas mãozinhas produzem! Primeiro se cuide faça o possível pra melhorar! Segundo, que lindo este xalê ou estola! Achei linda desde a primeira vez!Tenha um bom fim de semana! bjs Nina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Nina, fiquei tão feliz que consegui fazer! E mais feliz ainda pelos paps, que vão possibilitar que outras pessoas também façam... Beijos e obrigada.

      Excluir
  8. Rosa sei que é difícil, extremamente difícil, ficar quieta, mas vc precisa parar. Pense no futuro. Vc pode optar hj por parar um pouco, ir devagar, evitar definitivamente o tricô. Este maravilhoso trabalho que vc fez é um grande vilão. Não sei como você trabalha com as agulhas de tricô, mas eu, quando faço, o que é raro, uso muito o dedão. Então, não seja cabeça dura, menina! Tira um pouco o pé do acelerador e vc não precisará ficar imobilizada na marra... Demais a mais, vc tem uma grande vantagem, mesmo sem seus paps (não menosprezando, pq amo suas dicas e seu jeito de explicar), suas palavras são um deleite. Faça mais caminhada, olhe mais vitrines, conte-nos mil histórias e se cuida. Te quero muito bem. Fica com Deus.
    Bjs
    Mara

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe o que é, Mara querida: eu odeio ser um fardo. Se eu começar a me poupar, o corpo é uma máquina - a gente não usa, atrofia. No momento não posso ter empregada, então não tem como deixar de lado o serviço de casa - que é o que mais judia, na verdade... O que posso fazer é dar uma desacelerada... Beijos e obrigada pela preocupação e por todo esse carinho, me deixa muito feliz.

      Excluir
  9. O meu tá dando certo!!!O meu tá dando certo!!!!!!!!!!!!Só que estou fazendo menor praticamente um cachecol, minha filha não quis mt largo!!!!
    Adorei!!!!!!!!!!!!Brigadu!!!!!!!!!!!
    Bjus!!!
    liege

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, Liege querida! fico tão feliz de ter ajudado! Quando acabar, coloca no blog e me avisa prá ver... Beijos!

      Excluir
  10. ah mais uma coisinha que esqueci de mencionar a medica disse que quem tem problema renal não não não nããããããããããããããããããão pode comer carambola bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, tá bom, obrigada por me avisar... Ainda bem que eu não sou muito chegada em carambolas... Beijos.

      Excluir
  11. Rosa, do céu!!

    Que lindeza sua menina de beleza suave e esse xale.

    Você é mesmo um amor, compartilhar seu passo a passo conosco...

    Rosa, cuide-se!!

    Desacelere só um pouquinho...nossa saúde é única e preciosa - você sabe!!

    Fique bem.

    beijinhos,

    Lígia e =^^=

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou desacelerar - mas não vou parar, senão fico nervosa e deprimida. O que mantém minha cabeça boa é ter as mãos ocupadas... Beijos e obrigada pelo carinho.

      Excluir
  12. Rosinha querida, estou de volta!

    Adorei o PAP do xale feito à mão! Vou fazê-lo nas férias perto da lareira também....
    O seu está um show! E quem é essa beleza de modelo? A médica ou a artista?

    Puxa, sinto muito pela sua dor nas mãos...já pensou em pedir uma segunda opinião?

    O problema da artrose é que os ossos vão literalmente sendo gastos pelo atrito, como se políssemos com uma lixa...não dá para você pelo menos diminuir o rítmo por um tempo, dar uma folguinha para suas preciosas mãos poderem continuar a fazer essas coisas maravilhosas?

    Bjs e ótimo final de semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aí que está: se não posso diminuir o ritmo no serviço doméstico (que fica lá me chamando, inexoravelmente), não tenho porque me privar do que gosto e do que me dá prazer. É uma meléca ir ficando velha - justamente quando a gente está com a cabeça ótima, o corpo começa a deixar a gente na mão...

      Beijos e obrigada pela preocupação.

      Excluir
  13. Rosa, querida. Fiquei preocupada com você! Li os comentários para tentar descobrir que tipo de problema você tem. Não merece ter nenhuma dor, não merece sofrer, merece todas as alegrias e saúde do mundo! És bela e boa. Mereces tudo!
    Esse xale é maravilhoso. Tinha uma irmã (já falecida) que tinha mãos de fadas para essa arte de tricô e crochê, fazia tudo rápido, na máquina, tudo perfeito. Essa irmã sofreu muito - tinha lupus renal. Mas merecia toda a saúde do mundo, dos as alegrias porque, como você, era boa, fazia coisas linhas. Morro de saudade dela...
    Cuide-se, pense em sua saúde, descanse essas mãos de fada!
    Fique bem.
    beijos - Ah, estou em nossa terrinha. Está frio, delicioso, não quero voltar, não quero. Quero ficar, mas amanhã tenho que partir. Volto em julho.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Helena, como você é boa... O que eu tenho é só um desgaste nos ossinhos do polegar, que causa dor nas mãos e nos braços. Todo mundo fica preocupado comigo, mas não há o que fazer, pois no momento não tenho condições de arcar com despesas de empregada.

      Que pena que você perdeu uma irmã tão querida - essa vida é muito triste, às vezes... A gente tem que se apegar à Deus prá seguir em frente.

      Mas vir à São Paulo no fim de semana chuvoso: deu prá bater perna na 25? Espero que sim...

      Beijos!

      Excluir
  14. Ai Rosa, mas que situação! Te digo o que ouvi de uma amiga: as vezes a gente precisa perder prá poder ganhar. Difícil né? perde um pouco nas manualidades, mas ganha saúde para as mãos. que tal reunir a família e redistribuir as atividades mais penosas prá suas mãos? será que um design de luva que te imobilize a junta afetada ajudaria? eu não conheço sobre o assunto, posso estar -e provavelmente estou - falando besteira, mas será que se vc imobilizasse o dedão e sua base(o problema é ali, ou o dr google me sacaneou?) aprenderia utilizar mais os outros dedos prá compensar? acho que não compensa completamente, mas pelo menos vc tinha uma folga sem imobilizar a mão inteira. já que não está disposta a imobilizar tudo. sei lá, tô tentanto matutar aqui... não que vc tenha pedido opinião... mas vc é muito preciosa, faça o possível prá se cuidar. bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu durmo com tala imobilizadora durante à noite - e é incrível como é boa, os dedos não doem nada, é um alívio enorme. Também faço banhos alternados de água gelada e água quente, como me foi sugerido pela médica, que também é bom. Mas o ideal mesmo era não fazer nada - quem é que pode se dar a esse luxo? O jeito é ir levando...

      Beijos e obrigada por tanto carinho.

      Excluir
  15. Lindo, lindo, lindo. E o PAP está muito bem explicado.

    Bjs
    Fatinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, espero que bastante gente consiga fazer. Beijos!

      Excluir
  16. Querida! As dores vão passar,não fique ansiosa,o importante é ter fé e sei que tem,uma pessoa abençoada,alegre,generosa e divertida já tá ótimo e a sra é forte.Eu demoro pra entrar no face e quando chego perco a hora, só aqui passeei bastante vendo postagéns lindas e lendo os casinhos que riu muito de babar,adorooooooooooooo kkkkkk,esse pap ta lindo,já salvei.........Um domingo feliz com a família.A PAZ DE JESUS!!!!!!!!!Bjosssssssssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela preocupação e pelo carinho, Roseane querida. Já estou bem melhor, graças a Deus. Beijos e uma linda semana prá você.

      Excluir
  17. Lindo, diferente, amei. Obrigado por dividir conosco o pap dessa obra prima. Espero que esteja gozando de boa saúde. Abraço!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por perguntar e se preocupar, minha querida. Minha saúde vai indo como Deus permite. Beijos!

      Excluir
  18. Olá, muito obrigada por compartilhar essa receita, vc tem mãos de fada! Estou fazendo um cachecol e gostaria de saber como arremata? Em que carreira tem q arrematar? Um grande abraço e muito obrigada por compartilhar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. você tem que ver até que tamanho você quer fazer, é do teu gosto. Quando chega numa altura de mais ou menos 1,40 metros você arremata assim: Quando completar toda a volta, vai arrematando gomo por gomo ou espera chegar no fim, faz algumas carreiras com todos os pontos e arremata duma vez, normalmente como se arremata tricô. Espero que tenha ficado claro - mas se não ficou, me avisa, tá bom. Beijos!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...